betelgeuse arte volta a brilhar Betelgeuse: Estrela está brilhando novamente no céu

Betelgeuse: Estrela está brilhando novamente no céu

Betelgeuse é uma estrela que está distante 600 anos luz de nosso planeta Terra. Era a 10º estrela mais brilhante do céu mas ela quase se apagou e agora volta a no ranking das estrelas mais brilhantes.

O universo é gigantesco, disso todos nós já sabemos. Sendo asssim, existem muitos mistérios que a astronomia tenta descobrir, o fenomeno da estrela Betelgeuse intrigou pessoas e astronomos ao redor do mundo.

Considerada uma supergigante vermelha, Betelgeuse é 11 vezes maior do que o nosso Sol. Seu quase ‘apagão’ ainda é um mistério, porém muitos dizem que ela pode explodir e transformar em uma supernova. Porém, esta tese ainda não convence o universo da astronomia.

O que de fato acontece com a estrela Betelgeuse?

Você já viu Betelgeuse recentemente? Enquanto nos preocupávamos com o coronavírus, o famoso supergigante voltou furtivamente ao seu brilho habitual. E levou apenas seis semanas! Lembra-se de como parecia fraco em janeiro e fevereiro? Os profetas da desgraça achavam (esperavam) que seu desaparecimento drástico, o mais fraco já registrado, poderia indicar que estava prestes a se tornar uma supernova. Pouco provável.

posicao betelgeuse ceu Betelgeuse: Estrela está brilhando novamente no céu
O brilho da estrela Betelgeuse aumenta e diminui de intensidade (Foto: Reprodução)

Claro que isso ainda pode acontecer a qualquer momento, então continue assistindo. O que Betelgeuse fez ao longo de algumas semanas é notável por si só. A estrela agora brilha em torno de magnitude 0,6, muito mais brilhante que a vizinha Bellatrix (magnitude 1,6) e até alguns décimos de magnitude mais brilhante que Aldebaran (0,9) em Touro. Ontem à noite queimou intensamente com uma luz ardente.

Continua após publicidade

Se você quiser testemunhar a incrível transformação da estrela, enfrente o oeste no crepúsculo e localize Vênus. À esquerda e abaixo do planeta, você verá Aldebaran. Continue indo para a esquerda até encontrar Bellatrix e acima dela, Betelgeuse. Ou você pode simplesmente encarar o sudoeste e escolher o Cinturão de Órion com Betelgeuse brilhando acima dele. Caso você tenha dificuldade de encontrar, vamos disponibilizar um link que levara você para o mapa do céu de sua cidade, basta clicar aqui.

Encontrar uma explicação abrangente sobre por que Betelgeuse desapareceu tão profundamente ainda está em andamento. Lembre-se de que é uma estrela variável, por isso esperamos que a luz mude. A Betelgeuse se expande e contrai – tornando-se cada vez mais brilhante – com vários períodos, o principal com 424 dias. Ele atingiu o fundo do poço em meados de fevereiro, durante a parte mais fraca do seu ciclo de 424 dias. Betelgeuse também expeliu uma espessa nuvem de poeira no ano passado que bloqueou temporariamente parte da luz da estrela. Sem dúvida, ambos tiveram um papel no seu “apagão”

Juntando o fato de que sabemos que Betelgeuse está moribunda (por cálculos e modelos de evolução estelar) com o fato desse estranho comportamento dela nos últimos meses, começamos a especular: será o fim da sua vida?

Continua após publicidade

Betelgeuse se junta a Aldebaran e Vênus no céu ocidental no final do crepúsculo, criando uma cena bastante estelar. Ontem à noite, notei que Vênus ainda estava radiante depois das 23h30, no céu ocidental.

Compartilhe

Inscreva-se para ganhar até 65% de descontos em produtos da Amazon