lua satelite natural da terra brasil calendario da lua 2020 A astronomia estará dentro de nossas casas

A astronomia estará dentro de nossas casas

a Astronomia é a ciência que estuda o Universo, desde a sua origem e formação aos astros que o compõe e os fenômenos que nele ocorrem.

Originou-se a partir da observação dos astros e de seu efeito no cotidiano do ser humano, que desde a pré-história vem utilizando o conhecimento astronômico acumulado durante o tempo para desenvolver as atividades humanas.

O Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) foi criado para absorver peças do Observatório Nacional, que fica no mesmo terreno. Além da reserva técnica formada por essas peças que seriam descartadas em 1985, há exposições planejadas principalmente para crianças.

Veja mais artigos sobre astronomia em nosso site

No térreo, a exposição permanente “Olhar o Céu, Medir a Terra” reúne objetos originais e réplicas para mostrar ao público um pouco de Geografia, História e outras ciências. Uma parte do local é voltado para a Astronomia, com planetário inflável e observação do céu.

No campus do Mast ainda se encontra o segundo maior meteorito que já caiu no Brasil e os pavilhões das lunetas já usadas por astrônomos do Observatório, que hoje abrigam mini-exposições.

Museu de Astronomia dentro da sua casa

O Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) está fechado ao público externo por tempo indeterminado, mas, pela internet é possível levar um pouco do Museu para dentro de casa durante este período de recolhimento para evitar a propagação do coronavírus.

Na rede, estão disponíveis opções divertidas para as famílias preencherem o tempo com atividades lúdicas e informativas, como a Experiência de Realidade Virtual sobre o Homem na Lua, Visita Remota ao Campus do MAST e a Coleção de Bonecos de Papel para imprimir e montar.

Confira no link! https://web.superviz.com/projects/207c9489-ae3a-4ac0-bdae-06ac73a43d6d

No início, o conhecimento astronômico estava baseado essencialmente na observação dos astros e fenômenos visíveis a olho nu (o sol, a lua, o dia, a noite, as marés, as fases da lua etc), e se misturavam ao senso comum, à religião e às lendas, uma vez que vários povos acreditavam que esses astros eram deuses e que os fenômenos originados por eles dependiam do seu humor ou vontade.

Assim, chineses, egípcios, assírios e babilônicos já observavam o espaço para determinar a contagem do tempo, utilizavam o sol e a lua para elaborar seus calendários, definir o melhor período para o plantio e colheita e para se localizar no espaço.

Na Grécia Antiga, diversos estudiosos realizaram pesquisas e formularam teorias sobre o Universo, algumas delas foram contestadas e outras são aceitas até hoje como, por exemplo, a teoria da esfericidade da Terra, de Pitágoras; o ano com duração de 365 dias e 6 horas, proposto por Eudóxio de Cnido; as explicações de Aristóteles para as fases da lua e os eclipses solar e lunar.

Com o passar do tempo a astronomia se afastou do senso comum e das religiões, desenvolvendo-se a partir da incorporação de novos conhecimentos obtidos a partir da interação com outras ciências, como por exemplo a Física, a Química a Biologia, a Geografia e das novas tecnologias, que passaram a ter um papel fundamental na observação dos astros e nas investigações dos fenômenos astronômicos.

Hoje essa ciência está dividida em vários ramos (Astrofísica, Cosmologia, Astrobiologia, Planetologia etc), e ainda influencia muitas outras ciências, uma vez que o interesse pelo espaço não está restrito à Astronomia e a resposta de muitas perguntas nas demais ciências depende do conhecimento do espaço.

Além disso, com o desenvolvimento das novas tecnologias, essa ciência se tornou informatizada, possuindo telescópios capazes de fotografar milhares de estrelas e gerar imagens muito nítidas, sondas vasculham o espaço próximo, produzindo uma série de informações que elevam a qualidade da pesquisa astronômica.

Sendo assim, a Astronomia atualmente é uma ciência bastante consolidada no mundo contemporâneo, pois o espaço sempre despertou muito interesse e a tecnologia atual favorece a busca de conhecimento sobre ele.

Por: Thamires olimpia.

Compartilhe

Inscreva-se para ganhar até 65% de descontos em produtos da Amazon